Cree en grande.
CONMEBOL

Boca Juniors avança rumo às oitavas

Boca Juniors avança rumo às oitavas

O argentino Boca Juniors passou para as oitavas de final da CONMEBOL Libertadores 2020 ao empatar em 0 a 0 com o paraguaio Libertad no estádio 'La Bombonera', em uma partida pela quinta rodada do Grupo H, disputada nesta terça-feira em Buenos Aires.

O ‘Xeneize’ entrou em campo com maior determinação em busca da vitória contra uma equipe paraguaia que não via o empate fora de casa com maus olhos, após duas derrotas consecutivas no grupo.

A figura do guarda-redes libertenho Martín Silva voltou a ser a peça-chave no jogo, mostrando muita confiança perante cada intervenção ofensiva da equipe local.

Com este resultado, o Boca soma 11 pontos e garante uma das duas posições de classificação faltando ainda uma rodada, seguido por Caracas da Venezuela (7, um jogo a menos) e Libertad (7), enquanto Independiente colombiano fecha a tabela. Medellín (0) já foi eliminado.

Na sexta e última data, a ser disputada em 22 de outubro, o Boca receberá Caracas FC, enquanto o Libertad será local em Assunção contra o Independiente Medellín.

- Dados -

  • O Boca segue invicto em casa contra times do Paraguai pela CONMEBOL Libertadores (6V 5E), embora esta seja a segunda vez que não consegue marcar nessas partidas (0-0 vs. Olímpia na segunda final de 1979).
  • A Libertad não empatava 0-0 como visitante da CONMEBOL Libertadores desde 2010 no jogo contra o Once Caldas; passaram 33 jogos da Copa fora de casa sem empatar sem gols.
  • Carlos Tevez jogou seu 60º jogo pelo Boca Juniors pela CONMEBOL Libertadores e igualou Sebastián Battaglia como o terceiro jogador com mais partidas para o 'Xeneize' na história do torneio (74 Clemente Rodríguez, 73 Juan Román Riquelme).
  • Tanto Jorman Campuzano (100) quanto Leonardo Jara (101) tiveram 100+ toques no empate 0-0 entre Boca e Libertad; é a primeira partida da CONMEBOL Libertadores em que dois jogadores de futebol do 'Xeneize' tiveram mais de 100 toques desde março de 2013, contra Nacional (116 Clemente Rodríguez e 107 Juan Román Riquelme).
  • Blas Cáceres foi o jogador com mais derrotas (5) no empate 0-0 entre Boca e Libertad; foi o jogador de futebol de seu time com mais toques (67) e ganhou 7/11 duelos individuais.
     

 

 

 

AFP